OS LADRÕES SE SAFAM E CULPAM OS HONESTOS

No Brasil os ladrões do dinheiro público, os beneficiários de propina negam tudo e terminam por culpar os poucos honestos que ainda habitam esta terra de Meu Deus. A interpretação da Justiça, dependendo do caso, ou do “quinhão que lhe pertence” é divergente entre os que decidem. Uns condenam os maus feitores, outros os absolve, as discussões continuam e a vida segue neste vale de lágrimas.

Na verdade ninguém sabe quem tem ou não razão. A mistura de opiniões divergentes acaba confundindo todo mundo e a conclusão poderá ser a mais simplista: todos são inocentes até prova em contrário. O ônus da prova cabe a quem acusa e a prova, às vezes, nem vale nada.

Há picareta se utilizando de blog alugado para questionar o meu posicionamento com relação ao prefeito de São João Batista, com o qual, realmente colaborei como assessor de imprensa por um ano e quatro meses. Percebendo, no entanto, que a administração havia tomado rumo diferente ao prometido a população pedir demissão. Nada mais normal.

Mas o picareta que aluga o blog dele para extravasar o ódio do prefeito, critica a minha independência achando que quando estive servindo a prefeitura não denunciei os erros da gestão. Quero esclarecer, em respeito aos meus milhares de leitores, que não esperei acontecer o que era previsível. Deixei antes de se chegar a esse desfecho lamentável que culminou com a falência do município.

Obras inacabadas, saúde e educação abandonadas, pagamento de funcionários fantasmas, energia suspensa, inclusive no hospital por falta de pagamento, servidores e fornecedores com os seus recebimentos atrasados, fraude em licitações e um calhamaço de irregularidades que impossibilita a contabilidade de prestar contas regulares aos órgãos competentes são ingredientes da má administração de São João Batista. Isso é fato.

Não participei, muito menos presenciei esse descalabro que registro com absoluta tristeza. Não precisava ser assim. Também, não me omitir: tentei orientar, chamar a atenção para as coisas erradas que poderiam acontecer. Não fui ouvido. Aconteceu o pior: o prefeito foi afastado, as mazelas vieram à tona, muito dinheiro foi gasto com advogados e ele conseguiu voltar.

Agora as denúncias mais consistentes são encaminhadas aos órgãos fiscalizadores que poderão aprofundar as investigações e constatar que existem fatos muito mais graves do que aqueles que justificaram o afastamento inicial do prefeito. Depende, como disse no início deste comentário, da “interpretação e conclusão” dos julgadores...

Da minha parte, continuarei lamentando, mas divulgando informações contrárias ou favoráveis à administração porque para a coluna o que interessa mesmo é informar os leitores que acreditam neste trabalho corajoso e independente. O resto não interessa. Por fim deixo claro que esta coluna e o blog do Jersan estão a serviço exclusivamente dos seus leitores. Aqui não se cobra espaço para divulgar, elogiar ou criticar quem quer que seja. O dinheiro, aqui, não vale.

FLÁVIO X EDVALDO
O governador Flávio Dino tem dito que nos municípios (São Luís é um exemplo) onde houver mais de um candidato do chamado grupo de partidos aliado, que o apoiou para o governo ele não fará campanha para nenhum especificamente ou recomendará o voto a qualquer um deles. Balela. O candidato do governador é o prefeito Edvaldo Holanda Junior que tenta se reeleger. O apoio que o governo tem emprestado à administração do atual prefeito, as propagandas conjuntas veiculadas na média mostram o empenho de Flávio na reeleição de Edvaldo. É, portanto, hipocrisia pensar ou falar ao contrário.

NADA SATISFEITO
O prefeito de Santa Inês, Ribamar Alves (PSB) não está nada satisfeito com o governador Flávio Dino a quem apoiou com todas as suas forças em 2014. É que segundo o prefeito o governador não atende aos seus pleitos em favor dos interesses do município e cita a não inclusão de Santa Inês no programa “Mais Asfalto” e a paralisação das obras do Hospital Regional que atenderia, inclusive, pacientes de outras comunidades da região. Apesar da insatisfação Alves garante que não romperá politicamente com Flávio.      

ATÉ DO PCdoB?
Até uma deputada do PCdoB já foi citada como recebedora de ajuda financeira de empreiteiras envolvidas na Operação Lava Jato. Será que ninguém escapa dessa avalanche de safadezas promovidas pelos ladrões do dinheiro da Petrobrás? A deputada Jandira garante que a contribuição foi legal e declarada à Justiça Eleitoral. Então ta!...

FÁBIO SEGURO
O vereador Fábio Câmara está cada vez mais seguro como pré-candidato a prefeito pelo PMDB. Agora, contando com a desistência e o apoio da deputada Andréa Murad, Câmara espera a manifestação da cúpula nacional do partido, inclusive do presidente da República, Michel Temer. O partido já teria uma lista com mais de 20 (vinte) pré-candidatos a vereador.

 REGISTRO
O assíduo leitor desta coluna, enfermeiro Rildon Bogéa, de Santa Inês é pré-candidato a vereador. O meu amigo advogado José de Fátima Feitosa disse ao colunista que aos domingos Rildon é um dos primeiros a chegar à Rodoviária para comprar o Jornal Pequeno e ler esta coluna. Faço este registro agradecendo ao ilustre leitor.    

NOVAS ELEIÇÕES
O ex-presidente Lula (PT) resolveu deixar de lutar pelo retorno de Dilma Rousseff ao poder e se empenhar na aprovação da PEC – Projeto de Emenda à Constituição – pelo Congresso Nacional, que estabelece a antecipação de novas eleições para a Presidência da República. Lula da Silva acha que ainda tem fôlego para encarar e vencer; se tornar presidente e se livrar da cadeia. No Brasil tudo pode...

 KÁTIA BOGEA
A arquiteta Kátia Bogea, recentemente demitida da superintendência do IPHAN – MA, foi nomeada presidente da instituição com sede em Brasília. Competência reconhecida.

LIVRO

O ex-vereador Raimundinho de Corina lançará no próximo mês de julho o seu novo livro versando sobre fatos, causos, personalidades ilustres e política de São João Batista. A realidade social do município, com fotos ilustrativas, também faz parte do livro.  

Nenhum comentário

Por favor, peço que não usem palavras chulas ou que denigram pessoas em seu(s) comentário(s). Agradeço sua compreensão.