São João Batista: MÉDICOS E SERVIDORES FECHAM HOSPITAL PORQUE TÊM SALÁRIOS ATRASADOS


O primeiro grande problema a ser enfrentado pelo prefeito João Dominici (PSDB) que tomará pose hoje na prefeitura de São João Batista será a negociação com médicos e outros profissionais da saúde que fecharam o único hospital da cidade, na última quinta-feira (29), porque não receberam seus salários atrasados. O vice-prefeito Júnior de Fabrício que estava no exercício do cargo em substituição ao titular, afastado por decisão judicial, diz que mandou pagar os servidores, mas, estes, garantem que não receberam.
Cabe ao novo gestor abrir sindicância ou auditoria para apurar a verdade e denunciar os responsáveis por esse ato que fere de morte aos interesses da população. Os postos de saúde, igualmente estão fechados, sem atendimento a quem precisa de assistência médico – hospitalar no município.
Segundo uma fonte do blog em São João Batista o município continua até hoje, como antes, sem organização e sem comando. A esperança é João Dominici consiga recolocar as coisas no lugar e dê um rumo à administração. É lamentável a falta de compromisso com a população dos últimos administradores que “administraram” aquele município. Mas, para o bem coletivo tudo precisa ser devidamente apurado e, se houver culpados, que sejam punidos nos rigores da Lei. Chega de brincar com o povo!    

Nenhum comentário

Por favor, peço que não usem palavras chulas ou que denigram pessoas em seu(s) comentário(s). Agradeço sua compreensão.