HOJE É DIA DE O POVO PROTESTAR

Como aconteceu nos idos da década de 80, quando o povo já não aguentava mais a opressão e a falta de liberdade ele foi às ruas e protestou. Em ruínas, o regime cedeu e a democracia foi finalmente instituída, a partir da Constituição Cidadão de 1988. Aos poucos mais conquistas foram alcançadas, graças o trabalho dessa brava gente. Agora sobra liberdade, mas, também, a corrupção que vem como o câncer, corroendo as riquezas do nosso país. O governo, sem forças para reagir e conter essa desgraça que, como o Aedes aegypti, avança e maltrata a população brasileira. 

Hoje o povo vai às ruas e deve, pacificamente, levar o seu protesto, o seu grito de misericórdia contra a permanência de Dilma Rousseff, Eduardo Cunha, Renan Calheiros, Delcídio Amaral, Edison Lobão e tantos quantos, usufruíram de forma ilegal de vantagens com o dinheiro público à perda dos seus cargos. 

Sem emprego para um contingente de jovens e de outros trabalhadores, com uma inflação às alturas as perspectivas de melhora para o pais crescem na medida em que, finalmente, a justiça começa a ser feita e os “ladrões de colarinho branco”, até então intocáveis, recebem punição, inclusive com prisões decretadas pelo juiz Sergio Moro, baseado em denúncias do Ministério Público e das ações realizadas pela Polícia Federal. 

Que coloquem as “barbas de molho” os corruptos tupiniquins, principalmente os prefeitos que usam e abusam do dinheiro público porque, pelo menos, serão desmoralizados perante a sociedade, no momento no momento em que seus nomes forem revelados como autores de atos corruptos. E esse “perigo” está tirando o sono de centenas deles em todo o Brasil.

Hoje, 13 de março é um dia que ficará na história porque nas principais capitais do país o povo vai às ruas, pacificamente, protestar contra essa situação de desmoralização a que chegamos: governo sem credibilidade e parlamento repleto de processados. Uns por corrupção e outros por enriquecimento ilícito, lavagem de dinheiro e outras sem-vergonhice.

LULA LÁ E EU CÁ

“Com humildade e muita dificuldade eu estou vivendo de cabeça erguida” – desabafou um leitor ao fazer referência ao ex-presidente Lula da Silva. “O que adianta você ser um grande líder do passado, rico, mandando em governos desmoralizados, ele processado e ameaçado de ser preso por que praticou irregularidades ditas criminosas?” – indaga o leitor encerrando a conversa: É melhor assim, Lula lá e eu cá”. 

DINHEIRO DA EDUCAÇÃO

Existem inúmeras denúncias contra prefeitos que desviam verbas da educação. Roubam até a merenda das crianças, o que deveria ser classificado como crime hediondo. Enquanto os estudantes, em alguns casos, choram de fome nas escolas eles, prefeitos e suas corriolas bebem vinho caro e gostoso nas melhores casas do ramo. É falta de sentimento humanitário e de vergonha na cara.

Nenhum comentário

Por favor, peço que não usem palavras chulas ou que denigram pessoas em seu(s) comentário(s). Agradeço sua compreensão.